“Vermelho” . Instalação: 350 crisântemos vermelhos. Mosteiro Zen Morro da Vargem, Vitória, ES, Brasil

“Em lugar nenhum / em todo lugar” obra contemplada com o Prêmio Funarte Mulheres nas Artes Visuais 2014

Em lugar nenhum / em todo lugar é uma intervenção efêmera na paisagem, realizada na Estação Cultural Morro da Vargem, o espaço destinado à Residência Artística do Mosteiro Zen, Ibiraçu, ES, Brasil.

A obra cria um plano elevado monocromático com 350 crisântemos vermelhos para ser desfeito com a doação das flores ao público. Simultaneamente, a imensa paisagem que se descortina é refletida para o interior da casa por meio de quatro espelhos redondos e convexos afixados na parede em frente.

Explora o entrelaçamento da pintura, escultura e diferentes mídias com a paisagem, implicando o público como o elemento potencializador da ação efêmera.

Origina-se no desejo utópico de construir ‘pontes’ em termos culturais entre oriente e ocidente.

 

 

Obra contemplada com o Prêmio Funarte Mulheres nas Artes Visuais, 2014 

“Lugar nenhum”, 2014. Instalação: Espelhos convexos.  detalhe

“Lugar nenhum”, 2014. Instalação: Espelhos convexos

“Chão de estrelas”, 2014. Instalação.

“Dupla paisagem”, 2014. Instalação: metalizados.

“Dupla paisagem”, 2014. Instalação: metalizados.